Atletismo 01/12/2013 07:03

Meia maratona reuniu 1.200 competidores

Por admin

1.200 competidores que se reuniram em duplas e quartetos e seguiram para Av. Engenheiro Roberto Freire, zona sul de Natal, para participar da primeira meia-maratona de revezamento do Sesc, formato inédito no Estado. Alguns competidores chegaram cedo ao local da prova e aproveitaram para se alongarem, receberem uma massagem – serviço que estava disponível para os corredores-, como também para tirar fotos da sua equipe.

Competidores aprovaram a organização do evento

Competidores aprovaram a organização do evento      Crédito: Moraes Neto

Pontualmente às quatro e meia da tarde foi dada a largada da meia-maratona. Os competidores tinham pela frente um percurso de 10,5km para dupla e esse percurso sendo proporcional para o quarteto. Entre os competidores, o técnico em informática, Pablo Gustavo Ferreira, chamava atenção pelo exemplo de determinação e amor ao esporte, ao participar da prova em uma bicicleta adaptada para portadores de deficiência motora. “Depois do acidente que sofri e me deixou impossibilitado de andar, resolvi me dedicar ao esporte e fico muito satisfeito por ter terminado mais uma prova. Foi uma grande conquista”, enfatiza Pablo.

Entre os competidores, equipes inteiras se organizaram para participar da prova. Aproximadamente uma hora após a largada começaram a chegar os primeiros corredores. Mas, independente da marca obtida, todos que concluíram a prova receberam medalhas de participação. A primeira meia-maratona Sesc de revezamento ofereceu toda a segurança aos atletas, com percurso sinalizado, atendimento médico, apoio da companhia de transito que interditaram todo o trajeto.

Para o corredor Jose Adailton Barbosa, que correu na modalidade quarteto, a organização foi destaque na prova.  “Foi uma corrida com um ótimo padrão, foi tudo bem sinalizado o que garante tranquilidade para quem está correndo”. A premiação foi marcada pela alegria e emoção dos competidores. Para o corredor Francisco Janilson, integrante do quarteto na categoria comunidade, ter ficado em 1º lugar foi uma superação. “Foi muito esforço para todos chegarmos aqui e parte dessa conquista dedico ao meu treinador”.