Judô 20/09/2014 06:17

Diretor de arbitragem da CBJ participou da clínica para o Brasileiro em Natal

Por admin

Diretor nacional de arbitragem da CBJ, José Pereira, deu instruções para os 45 árbitros

Diretor nacional de arbitragem da CBJ, José Pereira, deu instruções para os 45 árbitros

Presidente da FJER, Tibério Maridondo, deu as boas vindas aos árbitros que apitarão o Sub-23 neste final de semana

Presidente da FJER, Tibério Maridondo, deu as boas vindas aos árbitros que apitarão o Sub-23 neste final de semana

A clínica de arbitragem, a reunião do conselho técnico e o sorteio das lutas marcaram o primeiro dia do Campeonato Brasileiro de Judô Sub-23, na noite desta sexta-feira (19), no auditório do hotel Praia Mar, em Natal/RN. O presidente anfitrião da Federação de Judô do Estado do Rio Grande do Norte, Tiberio Maribondo, deu as boas vindas aos participantes dos 25 estados brasileiros.

Logo depois, os 45 árbitros escutaram atentamente as instruções do diretor de arbitragem da CBJ, José Pereira. A principal recomendação foi com relação a mesa. “Os árbitros precisam se preocupar em apitar, mostrar o que sabem e esquecer as imagens e os replays. Se errar, aí sim será corrigido pela mesa”, disse Pereira.

Na reunião do conselho técnico, presidida pelo coordenador técnico da CBF, Robinelson Félix, ficou definido que a solenidade de abertura do campeonato ocorrerá às 9h desta sábado (20), na quadra do ginásio Nélio Dias, localizado na Zona Norte da capital potiguar. As primeiras lutas serão nas classes super ligeiro/ligeiro marcado para começar às 9h30. Pela tarde, a partir da 13h30 começam as disputas do meio-leve/leve, e às 15h30 as lutas meio-médio/médio. Para o domingo, a partir das 9h30, estão previstas os confrontos meio-pesado/pesado.