MMA 25/03/2015 07:05

Campeão do Bellator aposta em ‘potiguar’ no duelo por cinturão do UFC

Por admin

4

Bethe Pitbull, radicada em Natal, encara Ronda Rousey

O duelo mais aguardado do MMA feminino já tem data para acontecer. A luta entre Ronda Rousey e Bethe “Pitbull” Correia está marcada para o evento principal do UFC 190, em 1º de agosto, na HSBC Arena, no Rio de Janeiro. Para os seus companheiros da Pitbull Brothers, sua academia em Natal, Bethe pode surpreender o mundo. De acordo com Patrício Pitbull, campeão do Bellator e um dos treinadores de Bethe, a paraibana radicada em Natal é um exemplo para todos.

“É preciso mais do que uma pessoal normal para vencer Ronda, mas Bethe não é uma pessoa normal. Com menos de dois anos de carreira e de dedicação à luta, Bethe conseguiu chegar ao UFC e com pouco mais de três anos está disputando o cinturão. Pouquíssimas pessoas no esporte conseguem fazer isso”, destaca. O fato de ter começado tarde no esporte também chama atenção em Bethe.

“Desconheço alguém que tenha tido uma ascensão tão rápida, chegado tão longe, após começar tão tardiamente nas artes marciais como Bethe. Ela pode não ser a mais técnica em pé, no solo, ou no wrestling, mas ela consegue misturar tudo muito bem no MMA e nunca ouvi falar de alguém que tenha feito isso em tão pouco tempo sem ter base alguma.”, comenta Patrício.

Patricio reconhece as qualidades de Ronda, mas, como é de se esperar, demonstra fé na pupila. “Admitimos os feitos da campeã. É uma adversária muito dura, e o que ela fez também poucas pessoas fizeram no esporte, que é dominar uma categoria e acabar as lutas de forma tão impressionante. No entanto, Bethe mostra todos os dias que não podemos duvidar dela. Nunca duvidem de Bethe Correia. Essa é uma mulher que largou tudo na vida para se dedicar a ser lutadora e está fazendo o sonho dela acontecer. Ela tem mais garra e força de vontade do que muitos no esporte, incluindo os atletas de mais alto nível. Não vai ser uma luta fácil para Ronda, e não fiquem surpresos com Bethe saindo de lá como campeã”, garante Patrício Pitbull.

Com Assessoria