MMA 03/08/2015 05:39

“Não abaixo a cabeça”, diz Bethe após 1ª derrota no UFC

Por admin

O UFC Rio 7 não saiu dentro do planejado por Bethe “Pitbull” Correia. Enfrentando a campeã na divisão feminina dos galos 4(até  61kg), Ronda Rousey, a brasileira acabou sofrendo um golpe, no início da luta, que decretou a história do combate. Apesar do resultado, a atleta da Pitbull Brothers garante que não ficou abalada com a sua primeira derrota na carreira.
“Qualquer um que luta está sujeito a ser nocauteado. Você pode ser o melhor do mundo e cair. Mike Tyson já perdeu também. Luta é luta. Não foi o resultado que queria, mas estou satisfeita com tudo que fiz, todo o meu treinamento e já estou aqui animada. Se quiserem marcar outra luta, estou aí. Não abaixo a cabeça, não. Sou forte pra caramba”, garantiu a lutadora.
Apesar da estratégia adotada contra a campeã, Bethe acabou sofrendo um golpe que foi decisivo em favor de Ronda. “A Ronda sentiu meus golpes, tentou agarrar, defendi bem as quedas, mas essas coisas acontecem. A mão entrou, mérito dela e realmente caí, mas acho que estava no jogo certo. Atacar, contra-atacar, defender a queda e bater, mas acabei escorregando, levantei e ela conectou um bom golpe, mas luta é isso”, explicou Bethe Pitbull.
Após a luta, Bethe recebeu o carinho de toda a sua equipe. “Estamos orgulhosos dela. É a carreira mais meteórica até chegar a uma disputa de cinturão. Infelizmente o golpe da Ronda entrou e isso faz parte do nosso esporte. Quem luta MMA sabe que um golpe pode derrubar toda uma estratégia de combate. Mas, estamos felizes por ela ter chegado aqui tão rápido e temos certeza que ela vai voltar ainda mais forte”, destaca Patrício Pitbull, líder da Pitbull Brothers e treinador de Bethe.