Serviços 05/02/2021 05:01

Centrais do Cidadão de Natal terão horários de atendimento ampliados

Por admin

As Centrais do Cidadão de Natal terão seus atendimentos ampliados na segunda quinzena de fevereiro. As unidades do shopping Via Direta e da Zona Norte passarão a abrir suas portas mais cedo, a partir das 9h, como forma de atender mais pessoas. O horário de encerramento permanece sendo às 17h.

A expansão do horário foi decidida em reunião nesta quarta-feira (3), entre representantes da Secretaria de Estado da Administração (Sead) – que conduz o Programa das Centrais do Cidadão do Rio Grande do Norte, por meio da Coordenadoria de Atendimento ao Servidor e ao Cidadão (Codaci) – e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). O objetivo é atender a demanda intensa, bem como minimizar as possibilidades de aglomeração dos cidadãos à procura dos serviços, em virtude da pandemia da Covid-19.

De acordo com o coordenador da Codaci, Luis Renato Nogueira, também foi assegurada uma otimização no sistema de agendamentos para apoio aos serviços do Itep. Até então, os agendamentos poderiam ser feitos no site www.centraldocidadao.rn.gov.br a partir do meio-dia, com marcação para atendimento no dia seguinte. Assim que o horário de funcionamento das Centrais do Cidadão da capital for ampliado, os usuários terão duas oportunidades para agendar os serviços do Itep, uma a partir das 8 horas e a outra igualmente às 12 horas.

Ceará-Mirim

A reabertura da Central do Cidadão de Ceará-Mirim foi outra pauta debatida na reunião. A unidade estava interrompida há cerca de um ano, por causa da pandemia, mas que nas próximas semanas deve voltar ao seu funcionamento. No local, vão ser ofertados serviços do Detran/RN e Tribunal Regional Eleitoral, emissão da Identidade (RG), CPF e Carteira de Trabalho.

Segundo dados da Codaci, uma média mensal de cinco mil atendimentos eram realizados na Central de Ceará-Mirim. A reabertura vai beneficiar a população da região e também ajudar a desafogar os atendimentos em outras unidades como São Gonçalo do Amarante e João Câmara, que absorveram os usuários de Ceará-Mirim durante o tempo em que a Central do município permaneceu fechada.