Governo do RN 03/06/2021 06:56

Sancionada lei que inclui trabalhadores da educação nos grupos prioritários

Por admin

A governadora, professora Fátima Bezerra, sancionou nesta quarta-feira (2) a Lei que inclui os profissionais da educação, do ensino básico ao superior, das redes pública e particular, no grupo prioritário do Programa Nacional de Imunização (PNI) contra a Covid-19. A sanção da norma ocorreu na Governadoria e contou com a participação do vice-governador, Antenor Roberto, e do autor da Lei, o deputado estadual Francisco do PT. A vacinação do grupo terá início nesta quinta-feira (3) com a distribuição de 25 mil doses direcionadas aos profissionais que trabalham em creches e pré-escolas em áreas de maior vulnerabilidade.

“A felicidade de sancionar a lei exatamente quando, a partir dessa quinta-feira, daremos início à vacinação dos trabalhadores em educação em todo Rio Grande do Norte”, disse a governadora Fátima Bezerra.

O primeiro lote que dará início à imunização dos profissionais da educação chegou ao Rio Grande do Norte nesta quarta-feira (2). A remessa conta com um total de 95.500 doses da AstraZeneca. Destas, 25 mil doses serão destinadas à vacinação dos trabalhadores que atuam na área da educação, que iniciará já a partir desta quinta-feira (3).

A secretária-adjunta da Educação, do Esporte, da Cultura e do Lazer, Márcia Gurgel, disse que “este é um momento estratégico para a garantia do trabalho destes profissionais em todas as escolas do Rio Grande do Norte”.

Para o reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), professor Daniel Diniz, a experiência do ensino com o uso da tecnologia se mostrou rico. “Mas, também mostrou que a presença do professor é algo insubstituível”, ressaltou.

A governadora reitera que a inclusão desses trabalhadores, agora também prevista em lei estadual, é um importante dispositivo que se soma à incansável luta desta gestão para levar às salas de aula uma condição mais segura a todos que compõem a comunidade escolar. Um esforço mútuo, e feito de vários momentos ao longo desta pandemia, e que mesmo quando surgiram as dificuldades foi pela união de esforços que transformou-se em realidade.

A coordenadora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública no RN (Sinte), Fátima Cardoso, elogiou o esforço e a responsabilidade da governadora Fátima Bezerra na luta pela inclusão dos profissionais da educação na imunização contra a Covid-19. “Pessoas não são números. A governadora demonstrou sua preocupação e garantiu que mais vidas serão poupadas”.

O proponente da Lei, o deputado estadual Francisco do PT, declarou estar honrado em ter sua proposta de lei sancionada pelo Executivo estadual. “Estamos falando de um contexto que representa 1/3 da população do nosso Estado. Essa atitude do governo representa o respeito e a garantia à vida”.

O vice-governador, Antenor Roberto, finalizou a solenidade alertando que “a imunização é a única forma de retornarmos às nossas atividades de forma segura. Viva a educação e viva a vacinação!”.

Também acompanharam a solenidade, o procurador-Geral do Rio Grande do Norte, Luiz Antônio Marinho, a secretária-adjunta do Gabinete Civil, Socorro Batista, o subsecretário da Juventude da Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh), Gabriel Medeiros, a vice-reitora da Universidade Estadual do RN (Uern), Fátima Raquel, o reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN), José Arnóbio, o reitor do Centro Universitário do RN (UNI/RN), Daladier da Cunha Lima, o deputado estadual Bernardo Amorim, o reitor da Universidade Potiguar, Guilherme Guerra, e a presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação do Rio Grande do Norte (Undime), Jária Vieira.

Foto: Elisa Elsie-Assecom